Krav Maga / Formação de Instrutores

Formação de Instrutores

O processo de formação

A formação de instrutores de Krav Maga requer extrema cautela e responsabilidade, por se tratar de uma atuação profissional que envolve riscos de grandes proporções, desde aqueles relacionados com exercício corporal, incluindo a formação de caráter e todos os riscos de vida inerentes ao ensino de uma arte de defesa pessoal.

O profissional mal preparado representa um perigo para seus alunos e para sociedade. A função do instrutor é ensinar técnicas de defesa pessoal, ensinando quando e como aplica-las, desenvolvendo a autoconfiança e autocontrole. Ao trabalhar o corpo como instrumento de ataque e defesa, libera-se a agressividade, direcionando essa energia esse potencial de forma sadia e construtiva.

Curso de Formação

O processo de formação de instrutores adotado pela FSAKM foi criado pelo criador da modalidade, Imi Lichtenfeld e ainda hoje é o método utilizado em Israel. Este processo de formação é rigoroso e garante a qualidade e alto nível de ensino e difusão do Krav Maga no Brasil, atento às expectativas e riscos já expostos.

Implantado pelo Mestre Kobi, o sistema de formação de instrutores prepara os profissionais a ensinar e orientar os alunos, somando ao instrutor a função de educador; dividido em 2 partes distintas:

1. Curso de Monitores
Os alunos graduados que se destacam são indicados por seus instrutores para participar do curso de monitores, que tem a duração de 5 dias, com 16 horas diárias em regime fechado no Centro de Treinamento, que incluem aulas teóricas e práticas de Krav Maga com mestre Kobi; aulas de anatomia, fisiologia e primeiros socorros; capacitação física e a vivência com a essência da filosofia de vida do Krav Maga.

2. Curso de Instrutores
Os participantes que forem aprovados nas avaliações do curso de monitores, após 1 ano de estágio, se candidatam ao curso de formação de instrutores, que acontece em 5 fases descritas a seguir:

a) Monitor: após 4 anos de treino, o monitor será avaliado por seu desempenho e seu instrutor poderá indicá-lo ao processo de seleção para o curso de instrutor.

Curso de Formação de Monitores 2010

b) Processo de seleção: este processo incluí 4 itens: o parecer do instrutor do candidato, avaliação psicotécnica, teste físico e teste técnico. Aprovado nos itens de seleção, o candidato passa para a fase dos estudos complementares.

c) Estudos complementares: o candidato deverá cursar matérias complementares como anatomia, fisiologia, nutrição, primeiros socorros, filosofia das artes marciais e marketing, com carga horária mínima de 20 horas em cada matéria, em instituições ou com professores reconhecidos pelo MEC,  para estar habilitado a passar para a próxima fase.

Curso de Formação

d) Formação em Krav Maga: essa fase inclui toda a teoria, filosofia e prática do Krav Magá, onde o candidato aprende passo a passo a ensinar corretamente, através da didática própria do Krav Maga. Aprende como se comportar em sala de aula e as regras e normas de conduta da FSAKM.

e) Provas finais e monografia: ao final do curso, os candidatos são submetidos às provas finais de todo o conteúdo ensinado e apresentam monografias. Apresentando índice de aproveitamento superior a 75%, são diplomados e recebem autorização para utilizar a marca Krav Maga, devendo ser supervisionado pela FSAKM, que ministra cursos de reciclagem periódicos, obrigatórios para renovação de licença para lecionar.

Este processo é rigoroso e exige muito de seus candidatos, mas os resultados garantem a formação de instrutores altamente qualificados, que contribuem para a formação de uma sociedade melhor.

Curso de Formação de Monitores

03/2013 - KRAV MAGA - DEFESA PESSOAL PARA MULHERES 2013

Confira

02/2013 - KRAV MAGA - Brasil - FSAKM - Mestre Kobi - Vid2

Confira